5 dicas para cuidar da sua imagem nas redes sociais

Todo mundo tem uma reputação digital, ou seja, tudo o que dizemos, tudo o que fazemos e o que mostramos ajudará a construir a imagem que nossos contatos nas redes sociais têm de nós.

Essa percepção é importante no nível de trabalho, especialmente se você é sua marca. Vamos te dar cinco dicas para cuidar da imagem do seu trabalho nas redes sociais, aqui neste artigo.

Como cuidar da sua imagem nas redes sociais

redes sociais

O potencial das redes sociais é enorme, seja para quem possui uma empresa, para quem deseja atuar como influencer, para lojas virtuais, etc.

Para se trabalhar um perfil atraente, o qual impulsione a interação com os seguidores já existentes e aqueles que pretende conquistar, é importante ter um bom direcionamento sobre o conteúdo publicado e imagem de persona.

Por exemplo, se você é um fotógrafo que realiza ensaio de natal em família, casamento, gestante, festa de debutantes, entre outros, mas fica realizando postagens do seu dia a dia que não tem relação com a vida profissional, pode acontecer de perder seguidores e não ter um perfil relevante.

Neste caso, o ideal seria postar conteúdo relacionado a curiosidades, dicas de fotografia, tipos de ensaios que podem ser realizados, entre outros.

Confira a seguir quais as dicas de como cuidar da sua imagem nas redes socais:

A imagem que pensamos que passamos nem sempre corresponde à real

Às vezes pensamos que estamos exibindo uma imagem cuidadosa e positiva, e, é possível que estejamos transmitindo uma imagem errada. Como evitar isso?

Analise todas as fotografias que publicou, elimine as que acha que não lhe agradam e, se puder, faça uma sessão de retratos para realçar a imagem da sua marca pessoal.

Filtre tudo que você posta: as fotos alcançam mais pessoas do que pensamos

Os contatos que veem o que postamos são conhecidos de conhecidos, até mesmo estranhos. E há pessoas que se dedicam exclusivamente a analisar o perfil dos outros.

Às vezes pensamos que publicamos uma fotografia pessoal e dificilmente as pessoas veem, mas a verdade é que pode chegar a um alcance maior do que gostaríamos.

Nosso conselho é que você defina seu nível de privacidade e, acima de tudo, publique conteúdo de qualidade que ajude a aumentar sua reputação.

Melhore a imagem nas redes sociais com fotografia profissional

Seja sempre profissional: que tipo de sessão é perfeita para a imagem da minha marca?

Se você não tem fotos formais para colocar em seu perfil, não use nenhuma foto recortada que você tenha com outras pessoas. O melhor a fazer é realizar uma sessão fotográfica onde se expresse com naturalidade e em diferentes contextos, brincando com os diferentes elementos, as molduras e os planos.

Diga não a duplicação de perfis

Você sabia que é proibido ter dois perfis da mesma pessoa? Você criará confusão quando as pessoas pesquisarem por nome e virem dois perfis parecidos. E também, é proibido, se você arriscar, você pode ter ambas as contas excluídas e bloqueadas.

Aproveite sua imagem nas redes sociais para impulsionar suas candidaturas a empregos

Quando somos selecionados para preencher uma vaga, há uma equipe de recursos humanos por trás da análise de nossas redes sociais: nossas fotos, nossos comentários, todas essas informações podem ser usadas contra nós.

Se trabalharmos esse conteúdo com boas fotos profissionais e conteúdo cuidadoso, teremos uma chance melhor de conseguir essa posição.

Fotografia profissional para redes sociais

É muito difícil construir uma reputação nas redes, mas é muito fácil perdê-la, então procure um profissional para orientá-lo em uma sessão de fotos para tirar o máximo proveito e aprimorar suas qualidades.

Este material será útil para redes sociais, cartazes, perfis sociais e outras plataformas, por isso será sempre uma boa opção de investimento.

Como alinhar o inbound e o outbound de modo estratégico?

O inbound e o outbound marketing são estratégias diferentes de divulgação, mas que podem ser usadas em conjunto, para melhorar a conversão de leads (potenciais clientes), aumentar as vendas e construir autoridade no mercado.

Apesar de muitos estrategistas desconsiderarem o outbound em seu planejamento, ainda mais em campanhas online, o método pode ser muito eficiente na oferta de produtos e serviços, desde que usado de maneira assertiva.

Mas, o que é o inbound e o outbound marketing e como usar essas técnicas nas ações de propaganda da sua empresa?

O artigo de hoje pretende responder essas perguntas e dar dicas de como alinhar o inbound e o outbound de modo estratégico. Acompanhe a leitura!

O que é o inbound marketing?

O inbound marketing consiste em um conjunto de estratégias, com a intenção de criar e compartilhar conteúdo relevante, voltado a um público-alvo específico. 

Dessa forma, conquista-se a permissão de comunicação com os potenciais clientes, criando um relacionamento saudável e duradouro.

Ou seja, ao invés de um comercial massivo na televisão com a oferta de acessorios de tubulação, por exemplo, o inbound marketing irá construir materiais interessantes e de qualidade, que informem sobre o nicho, as vantagens dos componentes, entre outros.

A partir disso, as pessoas impactadas pelo conteúdo compartilhado tendem a sentir mais confiança na marca, permitindo uma aproximação da empresa e, assim, melhorar as chances de venda.

Uma das principais características do inbound marketing é fazer com que os clientes venham até o negócio, não ao contrário. 

Com isso, é possível apresentar soluções direcionadas, isto é, conforme às demandas da audiência.

Consequentemente, o inbound marketing colabora com a fidelização dos consumidores, fazendo com que os clientes se tornem promotores da marca.

Afinal de contas, é muito mais fácil recomendar uma adega de vinhos, por exemplo, que confiamos, do que uma empresa que nunca ouvimos falar.

Entre os principais aspectos do inbound marketing, destacam-se:

  • Comunicação aberta com o público;
  • Criação de conteúdos e materiais relevantes;
  • Linguagem direcionada para o público-alvo;
  • Uso de diferentes plataformas para criar engajamento.

De acordo com um estudo da HubSpot, cerca de 75% das empresas que aplicam o inbound marketing acreditam que suas estratégias são eficazes. 

Além disso, 59% dos profissionais afirmam que o método produz leads de melhor qualidade para as equipes de vendas.

Ou seja, o inbound marketing visa levar a informação certa, para a pessoa certa, no melhor momento. 

Isso ajuda no encantamento dos clientes, além de acompanhar as tendências do consumidor atual, interessado em conteúdo, não somente em propaganda.

E o outbound marketing?

O outbound marketing é conhecido como a estratégia tradicional de venda, em um processo de prospecção ativa para abordar potenciais clientes que correspondem ao perfil ideal.

Enquanto no inbound criamos mecanismos para a atração do público, o outbound identifica quem são as pessoas interessadas e as aborda diretamente. 

Por exemplo, se nos mostramos interessados em dança, provavelmente vamos nos deparar com um anúncio no Facebook sobre aula de ballet adulto.

Esse direcionamento para os compradores normalmente é feito com o auxílio das ferramentas digitais. 

Contudo, o outbound marketing vem antes da internet, sendo conhecido por suas propagandas de massa nas mídias tradicionais (TV, jornal, rádio).

Em geral, o outbound foca em estratégias a curto prazo. Ou seja, se a intenção é vender ficha para festa junina, em um evento que vai ocorrer nos próximos dias, pode ser mais eficiente investir em propagandas massivas.

Além do mais, com o avanço da internet e das TICs (tecnologias da informação e da comunicação), o outbound passou por inúmeras reformulações nos últimos anos, tornando-se mais assertivo e direcionado.

Dessa forma, é possível obter ótimos resultados com o outbound marketing, mesmo com a divulgação em redes sociais e plataformas online.

Outbound e Inbound: juntos ou separados?

Tanto o outbound quanto o inbound marketing têm seu mérito. Ambas estratégias utilizam boas ferramentas e podem originar ótimos resultados para as empresas. 

No entanto, quando usadas em conjunto, é possível alcançar números impressionantes!

É importante perceber que as estratégias não se anula e, no contexto ideal, o outbound e o inbound marketing se complementam.

Entretanto, é preciso levar em consideração alguns aspectos para alinhar estrategicamente as ações de inbound e outbound. Confira!

1 – Conheça os objetivos do planejamento de marketing

O primeiro passo é entender o motivo de cada campanha, lembrando que todas as iniciativas devem respeitar a visão, missão e valores da empresa.

Por exemplo, uma auto escola pode ter como objetivo melhorar a imagem da organização no mercado. 

Essa construção é feita aos poucos, pois exige que o público conheça mais sobre o empreendimento e, portanto, pode ser interessante veicular artigos em um blog.

Diante dessa perspectiva, a auto escola pode começar com o inbound marketing e, ao perceber resultados positivos, dar início a uma nova campanha de outbound, com a intenção de chamar mais visitantes para a sua página web.

As possibilidades são inúmeras, porém é necessário conhecer as especificações de cada planejamento de marketing, para então formular estratégias devidamente orientadas.

2 – Identifique a buyer persona

A buyer persona, ou simplesmente persona, é a representação semi fictícia do cliente ideal, com base nas características do público-alvo.

Identificar esse personagem é fundamental para o inbound e outbound, visto que as campanhas tendem a ser muito mais eficientes quando montadas para uma pessoa específica.

Pense, por um momento, quem estaria interessado(a) em um relogio de ponto portatil. A partir de uma pesquisa de mercado, é possível construir a persona  e orientar as divulgações conforme os anseios da persona.

Assim, uma maneira é partir do outbound para o inbound.

A primeira campanha pode se originar de um anúncio nas redes sociais e direcionar o usuário para a inscrição em uma newsletter. 

Posteriormente, o lead passará a receber conteúdo valioso e, com isso, irá construir uma relação de confiança com a empresa.

3 – Adequação das tecnologias

O outbound é comumente associado a TV, rádio, cold calls e outras práticas tradicionais de propaganda. 

Embora o crescimento da internet seja exponencial, muitos recursos do velho modelo de marketing ainda são usuais e, por esse motivo, vale a pena ter conhecimento de todas as tecnologias existentes para planejar campanhas.

Isso porque uma divulgação de conserto de persiana pode aparecer tanto no rádio quanto em disparos de e-mail, por exemplo. Mas, é preciso adaptar as ações, conforme a disponibilidade financeira e tecnológica das empresas.

Importante ressaltar que o outbound não é uma exclusividade das mídias tradicionais e nem o inbound das plataformas digitais. 

As estratégias podem ser adaptadas e, por isso, é preciso pesquisar os canais adequadas para cada campanha.

Mas como alinhar as estratégias?

A verdade é que não existe uma fórmula ideal para alinhar o inbound e o outbound marketing. 

O segredo é conhecer o comportamento dos consumidores, as características do público-alvo e os objetivos da empresa, para então formular as melhores ações para cada tipo de negócio.

Assim, pode ser que para alguns laboratorios, por exemplo, partir do outbound para o inbound seja a melhor opção; enquanto para outros empreendimentos, o melhor é justamento o contrário.

Há uma relação simbiótica entre as estratégias. Por isso, uma dica para integrá-las é identificar a origem de cada lead, para escolher a melhor abordagem e, desse modo, ter boas chances de concretizar a venda.

O inbound pode ser usado para fechamentos mais imediatos e personalizados, já que campanhas desse tipo são recomendadas aos usuários que têm interesse na marca. 

No outbound, por outro lado, os clientes foram impactados, mas não necessariamente estão à procura de uma solução rápida.

Por esse motivo, é importante ter uma base de dados com o fluxo de automação e medição dos resultados, para que o estrategista possa avaliar constantemente essas informações e, assim, pensar nas melhores campanhas.

Vale ressaltar que o disponível para investimento em marketing também irá influenciar o tipo de estratégia escolhida. 

Isso porque o custo por lead é 3x menor quando o modelo de prospecção adotado é o inbound.

Por isso, é comum que os novos empreendimentos iniciem suas divulgações somente na internet, com o inbound, e só depois de conquistarem uma margem de lucro, orientem novas campanhas pelo outbound.

Conclusão

O inbound e o outbound marketing não precisam ser vistos como estratégias excludentes. 

Ao contrário, ambas as técnicas podem ser empregadas em conjunto e, em cenários ideais, são capazes de aumentar significativamente a rentabilidade e a conversão de leads.

Mas, para alcançar esses bons resultados, é fundamental pensar em um alinhamento estratégico, levando em consideração uma série de aspectos, como os objetivos da empresa, o perfil dos clientes e a adequação dos suportes tecnológicos.

Assim, com um planejamento detalhado, é possível usar o inbound e o outbound de forma integrada, em campanhas eficientes e direcionadas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Referências

https://rockcontent.com/blog/o-que-e-inbound-marketing/

https://rockcontent.com/blog/estatisticas-sobre-inbound-marketing/

https://blog.m2br.com/marketing-digital/inbound-marketing/inbound-e-outbound/

https://outboundmarketing.com.br/o-que-e-outbound-marketing/#:~:text=Outbound%20Marketing%20%C3%A9%20um%20processo,adapta%20melhor%20%C3%A0%20solu%C3%A7%C3%A3o%20oferecida.

Como Ganhar Dinheiro Através do Artigo Buzz

Nos dias de hoje, existe um grande número de pessoas que escrevem em blogs. Para ser mais preciso, vou apresentar um dado importante: em 2017, o estudo “Blogs do Brasil” apontou que existem mais de 5,5 milhões de blogs somente em nosso país.

Mas existe uma grande diferença entre escrever por hobby e tornar o blog (ou site) um empreendimento.

Para quem realmente trabalha com textos, uma boa alternativa é criar seu blog em plataformas já estabelecidas como o Artigo Buzz. Ele pode acelerar os seus ganhos, pois permite que você encontre patrocinadores interessados em comprar artigos.

No decorrer do texto, você verá como conseguir bons rendimentos com essa plataforma.

Monetização

Uma das formas de ganhar dinheiro com um blog é monetizar os textos dele. Para fazer isso, é necessário compartilhar tanto os seus textos quanto o seu blog nas mídias sociais.

No caso do Artigo Buzz, quando alguém estiver interessado em patrocinar o seu texto, a própria plataforma avisará você. Assim que terminar o serviço que foi solicitado, o dinheiro será depositado em sua conta. Para sacar o valor, será preciso usar o Paypal.

Anunciantes

Se você pretende pagar pelo artigo de alguém, o Artigo Buzz também é uma boa opção. Antes de qualquer coisa, lembre-se que é preciso usar o Paypal ou um cartão de crédito para efetuar o pagamento.

Para escolher o seu artigo, basta pesquisar no site e, depois disso, conversar com a pessoa que está vendendo-o. Assim que o redator terminar o serviço, efetue o pagamento. Se quiser, pode passar um feedback para a pessoa que construiu o artigo.

Título SEO

A otimização para motores de busca, conhecido pela sigla em inglês SEO, É muito importante para aumentar a relevância do seu texto. Quanto melhor o seu cuidado com o SEO, maior é a chance do seu artigo ganhar relevância e visibilidade nas buscas do Google.

Uma boa maneira de melhorar o SEO é escrever um bom título, pois é ele que vai atrair cliques e leituras para o seu texto. Um título só cumpre o seu papel no SEO se fizer duas coisas:

  • Conseguir elevar a palavra-chave do texto em um ranking de busca;
  • Atrair mais visualizações para o artigo.

Evite usar títulos muito longos, pois eles normalmente sofrem cortes na página de busca e isso não é bom para o seu trabalho. Além disso, eles podem ter mais palavras-chave do que o necessário.

Fazer um bom título para o seu texto vale a pena, mesmo que leve um pouco mais de tempo. Isso pode aumentar o número de visualizações e cliques, o que significa mais chances de monetização e patrocínio em um artigo.

O Que São Backlinks? Descubra as Vantagens Para Monetizar Seu Site!

Se você chegou até aqui é porque, provavelmente, já ouviu falar sobre backlinks, mas, não sabe o que eles são.

Então, podemos definir backlinks como mais uma estratégia do marketing digital. Sendo feita com o objetivo de melhorar seu ranqueamento.

Ou seja, para que você ganhe maior destaque e visibilidade nas páginas de resultados de grandes buscadores.

Como, por exemplo, o Google que é o mais usado mundialmente. No entanto, nem sempre é fácil conseguir os melhores backlinks.

Isso porque existem diversos tipos e nem todos eles podem ser feitos diretamente por você!

Quer saber mais sobre esse assunto? Continue lendo e descubra tudo que você precisa saber.

O Que São Backlinks?

Os backlinks são uma das estratégias presentes no marketing digital, nela links são posicionados de forma intencional.

Com o objetivo de direcionar o público até um conteúdo relevante. Bem como, para seu site ou blog, a fim de aumentar seu tráfego.

Em SEO, existe uma estratégia de linkagem que pode ser feita tanto interna, quanto externamente para melhorar o ranking de uma página/site.

Desse modo, sua visibilidade aumenta e, consequentemente, seu tráfego também.

Assim sendo, os backlinks (Saiba mais) são feitos para gerar tráfego qualificado e permanência em um blog/site. Isso pode ser feito de duas principais formas:

  • Internamente: ligando uma página a outra, fazendo com que os leads naveguem por mais tempo pelo seu domínio.
  • Externamente: é quando você direciona o visitante através de outro site ou blog, até o seu domínio. Isso faz com que o ranking suba muito mais rapidamente do que com apenas à linkagem interna.

Mas, é aí que encontramos a dificuldade! Como fazer para outro site indicar o seu?

Afinal de contas, aqui o ideal seria criar conteúdos relevantes, de qualidade, e esperar que outros blogs ou sites os utilize em suas linkagens.

Contudo, se você está em busca de aumentar sua visibilidade, significa que ela ainda é baixa e dificilmente irão achar seus conteúdos e utilizá-los!

Entende como isso é um pouco contraditório, você está tentando usar uma estratégia para conseguir algo que deseja.

Mas, para usá-la, já precisa ter pelo menos parte significativa do resultado que espera obter com esta. Por isso, a maioria recorre a uma outra opção!

Como Conseguir Backlinks?

Então, a maioria dos sites que tentam obter backlinks de qualidade, optam por realizar guest posts.

Como sua tradução livre já insinua, você irá fazer “posts convidados”. Ou seja, escrever um conteúdo relevante para um outro site ou blog, direcionando (linkagem) o público para o seu.

Assim sendo, o ideal é escolher páginas em que não haja disputa pelo público (serve a ambos) e que já possua credibilidade.

No entanto, surge uma nova dificuldade! Muitos sites que já possuem bons posicionamentos no Google não querem receber guest pots de blogs/sites com pouca relevância.

Mas, se você possui um bom consultor SEO, é possível encontrar pessoas dispostas a vender backlinks de qualidade.

Nesses casos, onde há confiabilidade nos serviços, o retorno faz o investimento valer a pena!

Para Que Servem Os Backlinks?

Agora que você já sabe o que são backlinks e como consegui-los, irei falar daqueles que oferecem mais benefícios. O primeiro deles é chamado de “link juice” e são os mais comuns.

Isso porque é quando você recebe tráfego de qualidade vindo de outras páginas da web, que são confiáveis e relevantes, segundo o Google.

Então, receber uma linkagem dessas, melhora muito a autoridade de domínio.

O segundo melhor é o “nofollow links”, que significa que nem todos os links em seu site serão validados como backlinks.

Assim sendo, só aqueles que ele permite ao fazer uma linkagem externa. Mas, links em comentários são invalidados como backlinks.

Nesse caso, a vantagem é que o site que faz isso e linka você, aumenta sua credibilidade no Google, já que só permite marcações qualificadas.

Desse modo, como ele é mais seletivo com aquilo que deseja dar visibilidade. O Google irá entender que se você foi linkado, isso significa que há relevância em seu site/postagem.

Por fim, temos o “anchor text” que são linkagens feitas no estilo hiperlink, para que você consiga autoridade em palavras-chaves específicas.

Logo, as palavras-chaves que você utiliza são aquelas relacionadas ao seu mercado e que interessam os leads de outro blog, sem gerar concorrência!

Conclusão

Podemos concluir então, que os backlinks são importantes dentro das estratégias SEO, pois, sites/blogs com boas “indicações” recebem maior credibilidade.

Ou seja, ele será mais “bem visto” pelos sites de busca. Pois, ele backlinks qualificados e relevantes.

Então, é bastante indicado contratar um serviço de consultor SEO. Assim, você ele encontrará para você outros sites e blogs de grande credibilidade.

De modo que, você irá melhorar seu posicionamento no Google e em outros buscadores, muito mais rápido!

Ainda possui alguma dúvida sobre esse assunto? Deixe-a nos comentários para que possamos esclarecê-la.

 

Como anunciar minha empresa na internet?

Está é uma dúvida freqüente para maioria das pequenas empresas que iniciaram agora no mundo digital e precisam divulgar seu negócio.

Confira nossas dicas para anunciar o site da sua empresa no Google e outros sites.

9 maneiras de anunciar sua empresa na internet

Neste pequeno artigo você verá 9 maneiras de anunciar sua loja ou negocio na internet de forma gratuita e paga.

1 ) PPC: Use os principais sites de PPC do mercado: Google, Yahoo e MSN. Estes são os maiores plays do mercado, mas anunciar neles pode ser um pouco caro, mas os acessos gerados através desses sites são de qualidade.

2 ) Sites Segmentados: A criação de sites segmentados é um estratégia poderosa se utilizada corretamente.
Como funciona?

3 ) Crie blogs segmentados que tratam sobre uma particularidade do seu negocio, explorando a calda longa. Assim, caso algum dos sites sofra alguma problema de hospedagem, punição do Google, seu negocio ainda continuara funcionando, pois cada site estará funcionando independente do outro.

4 ) E-mail marketing: A compra de leads é uma outra forma de gerar acessos para o seu negocio. Assim como o PPC ele tem um custo, pois você terá que comprar uma lista de leads segmentada para disparar seu e-mail marketing.

5 ) Sites de classificados gratuitos: A internet esta repleta de sites de classificados gratuitos, onde você pode facilmente promover seu negocio na rede. Crie o habito de fazer um anuncio por dia em sites diferentes.

Você também pode se interessar por este artigo: Como cadastrar empresa no Google

6 ) Sites de artigos: Ainda muito utilizado, os sites de artigos podem ajudar seu negocio na construção de um perfil de links diversificado. Encontre bons sites de artigos gratuitos e submeta seus artigos para avaliação, não se esqueça de enviar um artigo de qualidade.

7 ) Guest Post: Um dos melhores métodos para promover seu negocio online. Você só precisa encontrar os blogs certos para fazer um post convidado. Após localizar um blog, envie um artigo único e de qualidade com 1 link para o seu site nele.

8 ) Foruns: Os fóruns segmentados são outra forma eficiente de divulgar seu negocio online. Procure por fóruns que tratem sobre o mesmo assunto do seu negócio e crie um perfil ativo no site. Não crie um perfil apenas para colocar seu link lá, mantenha uma rotina de comentar, criar novos tópico para não ter sua conta cancelada por falta de interação.

Sugestão enviado pelo David do site https://www.consultorseo.biz. Se precisarem de um consultor SEO, falam com este cara, ele entende do assunto!

9 ) Rede Sociais: Crie perfis ativos em redes sociais grandes. Algumas redes sociais como Facebook e Youtube possuem um grande numero de acessos diários, e você pode obter vários acessos de pessoas interessadas no seu produto ou serviço.

10) Crie vídeos informativos para o seu publico, com dicas de como utilizar o seu serviço ou produto e compartilhe o vídeo no facebook.

Gostou dessas dicas? Então você vai gostar ainda mais das sugestões da Célia Queiroz (Como Divulgar Meu Site).

Espero que este artigo possa ter ajudado você em seus esforços de marketing digital.